segunda-feira, 6 de julho de 2009

Comunidade decide por manifestação contra descaso do prefeito Fogaça


Em Assembléia na sexta-feira, dia 08 de julho, a comunidade decidiu por fazer manifestações, exigindo da Prefeitura um retorno imediato quanto a interdição da passarela sobre o Arroio Dilúvio.

Nossa ponte foi interditada e nenhuma satisfação foi dada a comunidade, isso já há quase um mês.

Vários contatos foram feitos com a SMOV, mas as respostas são sempre vagas e sem compromisso.

Nossa comunidade depende da passarela para atravessar o Arroio Dilúvio, e ter acesso a parada de ônibus em direção ao Centro. Com a interdição, o trajeto aumenta consideravelmente.

É impressionante o descaso da Prefeitura quando os problemas são com a periferia. E o Bairro Partenon tem sofrido com a má gestão do prefeito Fogaça.




Um comentário:

eduino disse...

olá pessoal

além da distância que as pessoas tem que percorrer para chegar aos coletivos em direção a área central existe também a questão da segurança no trânsito,NB. este pontilhão foi construido para que a mobilidade das pessoas que moram nesta área fosse respeitada, pois o poder público tem obrigação de monitorar este e dar condições de menor percurso nos deslocamentos,mas o que se vê hoje em porto alegre é melhorar os estacionamentos, alargar vias, duplicar pistas,capear ruas, etc.
e cada dia a segurança no trânsito está mais caótica,MAS A EPTC QUER ALARGAR A AV. IPIRANGA EM FRENTE AO CAMPUS DA PUC EM ÁREA DE APP NA BEIRA DO ARROIO DILÚVIO PARA BENEFICIAR OS ESTACIONAMENTOS DA PUC, (uma entidade privada que causa O MAIOR IMPACTO AMBIENTAL NA REGIÃO LESTE, COM CONTRAPARTIDA ZÉRO! ! !)

AFINAL O QUE É PRIORIDADE SÃO OS AUTOMÓVEIS OU AS PESSOAS ?!?!?!


eduino de mattos
conselheiro do CMDUA- plano diretor, RGP-07.